Modelos de Cortinas Alessandra Favretto

Qual a melhor maneira de usar cortinas na sua decoração

Confira dicas úteis para escolher a melhor opção e estilo para sua casa! 

 

De maneira geral, toda cortina tem como finalidade garantir o controle de luminosidade, dar privacidade a um ambiente e trazer boa sensação térmica e estética a um cômodo. Contudo, o que nem todo mundo sabe, é que a escolha do tecido, instalação, espaço, tamanho, luminosidade e detalhes de decoração podem interferir diretamente no quesito de harmonização dos imóveis em geral.

Por essa razão separamos algumas dicas para você, a fim de que possa escolher a cortina ideal para sua necessidade e entender um pouco mais sobre a dinâmica que envolve a importante decisão de escolher a cortina ideal para a sua decoração. Confira!

 

1 – Defina o tipo de tecido pela necessidade de luz

Em seu quarto e áreas íntimas, prefira tecidos com tramas mais fechadas e maior capacidade de bloquear a luz do sol, como a seda, o linho e até mesmo o veludo. Já para a sala, cozinha ou ambientes de passagem, escolher itens em chiffon ou de voal, por exemplo, podem ser uma ótima opção para deixar uma maior entrada de luz nesses  ambientes. Vale a pena sempre fazer um teste antes de instalar as cortinas: perceba que ambientes você gostaria de uma maior luminosidade ou não e, a partir disso, invista em materiais que colaborem com essa necessidade.

 

2 – Que tipo de cor devo escolher?

Como as cortinas são um complemento da decoração, em ambientes como salas de estar, jantar e espaços gourmet o ideal é escolher tons neutros e claros.

Nos quartos e salas você pode optar por cores mais marcantes e com estampas diferentes, não se esqueça de seguir o mesmo padrão do restante da decoração.

Evite poluição demais, priorize qualidade e conforto, sendo mais ousado em peças de mais fácil troca para o caso de enjoar, como almofadas, vasos, tons de roupas de cama e papel de parede. Contudo, esteja atento à mensagem que cada cor deseja transmitir, confira:

 

  • Vermelho – é a cor da paixão, melhora a timidez e previne o bloqueio de emoções que impedem você de se expressar. Na decoração, convida a viver a vida sem medo e incentiva o amor próprio.
  • Rosa – é a cor que remete ao amor, à ternura. Tem a finalidade de deixar um ambiente com ar de gentileza, aconchegante;
  • Laranja – é a cor da energia, que aumenta a autoconfiança. Use-a quando quiser se sentir mais jovem. Esse é o tom das risadas e comemorações;
  • Amarelo – é a cor que estimula boas conversas e o clareamento de ideias;
  • Verde –remete à natureza também traz a sensação de conforto. Se você está buscando novos desafios e crescimento pessoal, aposte nessa matiz. Além disso, o verde ajuda a despertar o talento. Ele representa a nutrição e o equilíbrio do corpo. Use para rejuvenescer e aumentar o bem-estar físico e emocional;
  • Azul escuro – é a cor que vai te inspirar. Ela limpa os pensamentos e ajuda a ter clareza sobre o que é dispensável e o que realmente importa;
  • Azul claro – é a cor da paz e da tranquilidade, que alivia tensões, traz calma para o lar e harmoniza as relações;
  • Lilás – está ligada à espiritualidade e nos permite entrar em contato com o nosso eu superior. O lilás é o tom que encoraja a busca por novas perspectivas e aumenta nosso astral.

Como toda cor pode representar um conceito, escolha aquela que mais tem a ver com a sua personalidade e a dos moradores da casa. Contudo, evite uma salada de cores, para que isso não deixe o ambiente pesado demais, especialmente quando optar por cortinas. O que recomendamos, é muita sobriedade nas cores principais, e que cores adicionais possam transmitir o conceito que você deseja para cada ambiente, seja em xales, mantas e itens que dialogarão com sua cortina principal.

3 – Qual o melhor modo de instalar uma cortina?

Na hora de instalar, vale considerar as duas opções: o trilho suíço no forro ou o varão – que é instalado direto na parede. Em projetos planejados do zero, inclua um vão entre o forro de gesso e a parede para embutir o trilho suíço e oferecer um acabamento melhor. Quem optar pelo varão deve lembrar que, como ele fica mais exposto, também vira uma peça de decoração. Considere, portanto, o material em que ele é confeccionado e o acabamento das ponteiras, para sempre deixar o ambiente de bom gosto e nada improvisado, especialmente se você deseja se mudar para um apartamento mobiliado e prontinho para iniciar um novo ciclo de vida! Por isso, vale a pena pensar em caprichar em sua cortina!

4 – Qual o tamanho ideal para uma cortina?

Não existe regra para o tamanho ideal de uma cortina, sendo que para cada caso ou estilo de decoração pode haver um tamanho diferente. O ideal é consultar um design de interiores; ele irá saber qual o melhor tamanho para o seu caso. O ideal é você fazer encomenda de cortinas sob medida, já que cada ambiente possui medidas diferentes e específicas.  Existem lojas especializadas que poderão ajuda-lo nesse quesito. Não havendo esta possibilidade, busque o máximo de informação com profissionais, revistas e sites especializados.

5 – Que estilo de decoração devo seguir para minha cortina?

Para não haver erro na sua escolha pense sempre na regrinha UDCT:

  • Usabilidade do espaço;
  • Dimensões disponíveis;
  • Cores presentes na sua decoração;
  • Texturas presentes.

 

É muito importante manter a atenção nesses 4 pontos. Assim você irá escolher o melhor modelo de cortina para cada ambiente e aproveitar da melhor forma seu espaço decorado. Lembre-se sempre da máxima: menos é mais! E isso indefere se você está desejando decorar casas para alugar em Florianópolis ou uma casa na fazenda! Todo excesso de cuidado é sempre uma vantagem em se tratando de decoração.

Por isso, opte pela simplicidade e sobriedade ao invés de algo muito impactante, se não tiver segurança pelo uso de algum item muito arrojado ou colorido. Prefira investir sua criatividade e seu dinheiro em itens como quadros, tapetes ou peças decorativas a ter que fazer algo muito estrambólico com sua cortina!

Agora que você acompanhou estas dicas valiosas sobre a melhor maneira de escolher sua cortina, compartilhe este post em suas redes sociais!

Sobre o autor | Website

Alessandra Favretto é editora e administradora do blog e da Loja Virtual Cortina Cortina. Formada em administração de empresas, é casada, adora artesanato e cozinhar nas horas livres.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!